Insuficiência Tricúspide

A definição de insuficiência tricúspide é a falha em evitar o refluxo de sangue do interior do ventrículo direito para o átrio direito, durante a sístole ventricular. De forma fisiológica, um pequeno escape é esperado e, inclusive, é o que propicia a estimativa da pressão sistólica na artéria pulmonar, visto que através da velocidade máxima desse refluxo fisiológico, podemos utilizar a fórmula de Bernoulli modificada e estimar esse valor.

Sendo assim, para ser considerada com repercussão hemodinâmica, a insuficiência tricúspide deve ser ao menos moderada, ou seja, com orifício efetivo de refluxo maior do que 0,2cm2.

Fisiopatologia

As cavidades direitas do coração lidam bem com a sobrecarga volêmica, visto serem a primeira estrutura que recebe, fisiologicamente a pré-carga sistêmica que varia intensamente quando comparamos situações de repouso e atividade física intensa.

Dessa forma, situações que causem sobrecarga volêmica de forma crônica costumam ser bem toleradas no repouso e manejadas pelo ventrículo direito que se adapta ao stress. Insuficiência tricúspide importante leva a uma dilatação excêntrica do ventrículo direito, da mesma forma como ocorre no lado esquerdo do coração, mas as pressões de enchimento não se elevam tão rápido quando na valvopatia mitral, apresentando apenas em casos tardios manifestações clínicas.

Quando o processo adaptativo se esgota, as pressões de enchimento venosas se elevam e, de forma retrógrada, o complexo venoso sistêmico passa a lidar com relativa elevação de pressão. Assim surgem edemas periféricos evoluindo até a anasarca e a hepatomegalia dolorosa por congestão venosa.

Em fases avançadas, junto à anasarca, encontramos a presença de ascite por extravasamento peritoneal e hepático. Desenvolvem-se assim, sinais de insuficiência cardíaca direita.

Do ponto de vista de queixas dos pacientes, quando a tricúspide é acometida de forma isolada, não vemos a queixa de dispneia de forma rotineira. A queixa de concentra mais em uma espécie de fadiga e desânimo, com referência a peso nos membros inferiores.

Em casos de acometimento concomitante do lado esquerdo, os sintomas se confundem e podemos encontrar tanto dispneia, quanto as queixas de fadiga e adinamia. Casos mais avançados de insuficiência tricúspide podem levar a queixas de pulsação cervical e até mesmo dor pulsátil no hipocôndrio direito.

Literatura sugerida:

1 – Otto CM, Bonow RO. A Valvular Heart Disease – A companion to Braunwald’s Heart Disease. Fourth Edition, 2014.

TriClip
Next Post

Deixe um Comentário

Privacidade e cookies: Este site usa cookies. Ao continuar no site você concorda com o seu uso. Para saber mais, inclusive como controlar cookies, veja aqui: Política de cookie

As configurações de cookies deste site estão definidas para "permitir cookies" para oferecer a melhor experiência de navegação possível. Se você continuar a usar este site sem alterar as configurações de cookies ou clicar em "Aceitar" abaixo, estará concordando com isso.

Fechar